sábado, 25 de setembro de 2010

Remoques... pretensamente poéticos: sobre uma conquista

escreverei um poema
decidi
procuro uma palavra
apago
encontro outra
corto
adivinho a terceira
desisto

os versos são dos pássaros
e eu sou bicho da terra
trago raízes no chão
que me prendem a ilusão
de me libertar um dia
ganhar asas
e voar na poesia

num último arrojo porém
a palavra tão ansiada
num murmúrio de afago
insinuou
que a verdade do verso
germina do húmus do chão
dessas raízes que trago

macviana
25.09.10

Sem comentários:

Enviar um comentário